quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

DEFESA CIVIL DESTINARÁ PONTES E COMBUSTÍVEL PARA RECUPERAÇÃO DOS MUNICÍPIOS ATINGIDOS PELAS ENXURRADAS.

Foto: Ascom Saudades
Foi realizada na tarde de terça-feira (10), em Pinhalzinho, um reunião da Defesa Civil do Estado de Santa Catarina, com os prefeitos dos municípios de Cunhataí, Saudades e Pinhalzinho. Estiveram presentes, o Secretário Executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Maravilha (ADR-MH) Valci Dal Maso, prefeitos Daniel Kothe (Saudades), Mário Afonso Woitexem (Pinhalzinho), Luciano Franz (Cunhataí) e respectivos vice-prefeitos, coordenador regional da Defesa Civil de Xanxerê, Luciano Perin, que esteve representando o coordenador regional da Defesa Civil de Maravilha, Rogério Golin, Gerente de Saúde da ADR-MH Darci Thome além de diversas lideranças dos municípios participantes.
Na oportunidade, o Secretário Valci Dal Maso, que esteve representando o Governo do Estado e também o Secretário da Defesa Civil Rodrigo Moratelli, que não pôde se fazer presente, disse que a prioridade será oferecer uma resposta rápida para amenizar os efeitos da enxurrada, principalmente nos três municípios, que foram duramente afetados.
“Já tivemos algumas decisões, principalmente em relação ao combustível, que é o que mais os municípios precisam nesse momento. Acredito que vamos ter uma ajuda de cerca de 20 mil litros de óleo diesel para cada município o que vai proporcionar uma resposta rápida a essa situação”, destacou o Secretário Valci.
Dal Maso anunciou ainda a destinação de dois kits de transposição de obstáculos pela Defesa Civil do Estado a cada município, para a recuperação de pontes que foram destruídas. “Temos já a sinalização positiva do nosso Secretário quanto à liberação desses kits, que são uma forma muito rápida de recuperação de pontes danificadas. As prefeituras entram com a parte de cabeceiras e aí a Defesa Civil manda a ponte já pré-moldada, que no máximo em duas horas já fica praticamente pronta”, completou.
O prefeito de Cunhataí, Luciano Franz, destaca que os prejuízos apurados no município chegam em torno de R$ 1,5 milhões. “Na área da cidade, pessoas perderam praticamente tudo, inclusive comerciantes que perderam todo o seu estoque e também nos prédios públicos, principalmente na Câmara de Vereadores e no CRAS foi perdida praticamente toda a documentação. No interior, tivemos perdas muito grandes, principalmente de pontes que foram levadas embora pela enxurrada. Para o município de Cunhataí, essas perdas foram de grande monta. Já estamos desenvolvendo inúmeras ações para restabelecer os nossos serviços mais essenciais e também acessos às propriedades”, aduziu.
O prefeito de Saudades, Daniel Kothe, afirma que os levantamentos acerca das perdas também já foram realizados, sendo que o setor de projetos está trabalhando intensamente para atender às demandas mais urgentes. “Vamos estudar onde instalar esses dois kits, e já estamos desenvolvendo um projeto próprio do município, onde vamos fazer a substituição de várias pontes. Tem muita coisa para fazer, mas sempre dialogando com a comunidade. Em todos os momentos, estamos tentando buscar recursos e fazer a nossa parte e vamos continuar trabalhando, animando nossa comunidade para também nos ajudar”, disse.
Ainda de acordo com Kothe, a estimativa em perdas, apenas com estruturas públicas, gira em torno de R$ 2 milhões. “Casas, residências e comércio é até difícil estimar, pois a enxurrada foi em proporções menores do que em outros momentos. Infelizmente, esse problema vem sendo constante. Essas chuvas que vêm ocorrendo nos últimos anos são, de certa forma, atípicas, pois estão ocorrendo com muita intensidade. Temos que fazer as ações necessárias para mitigar os impactos dessas intempéries de forma constante, pois só assim, reduziremos os impactos causados por elas”, finalizou o prefeito Daniel.

Fonte: Ascom Saudades

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: O portal não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários publicados pelos seus usuários. Comentários ofensivos, que não tenham relação com o conteúdo da página ou que vão contra a lei serão removidos.